• ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    terça-feira, 18 de abril de 2017

    Ex-BBB Marcos Harter pode ser preso mesmo que Emilly negue agressão.

    (Foto: Divulgação)
    As supostas agressões de Marcos Harter à Emilly Araújo, no “BBB17”, podem levar o médico para a prisão mesmo que a sister negue que tenha sido agredida por ele no reality show da Globo.



    "Os depoimentos foram tomados em sede policial. Tanto da Emilly quanto do Marcos. Eu estou analisando os dois depoimentos e aguardando o laudo pericial. Estou analisando as imagens e logo logo o inquérito vai estar concluído”,
    disse Viviane Costa, delegada titular da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher ao programa “Fofocalizando", do SBT, nesta terça-feira (18).

    Ela ainda afirmou que Marcos pode ser preso mesmo que a sister disser que não houve agressão. "Na violência doméstica, é normal a vítima não se reconhecer como vítima. Se o crime de lesão corporal for constatado pelo laudo pericial, ele independe da vontade da vítima", esclareceu ela.



    Questionada sobre qual a pena que Marcos pode pegar, caso as agressões sejam comprovadas, a delegada disse que pode chegar a três anos. "A pena de lesão corporal em violência doméstica, que é do artigo 129 parágrafo 9°, é de até três anos de prisão", disse Viviane Costa, que ainda revelou que teve emoção nos depoimentos do ex-casal: "Sempre tem, né".



    Quer receber notícias direto no seu whatsapp sobre diversos assuntos? Então envie a palavra 'NOTÍCIA' para o número (92) 9-8133-6948 e pronto! Não é grupo e este serviço é totalmente gratuito.







    Policial

    Entretenimento

    Hora da Venenosa